| Tudo sobre Cães e Gatos

O nanismo acontece também em animais – Porque isso ocorre

4.79K 8
O nanismo acontece também em animais – Porque isso ocorre

Pessoas com nanismo são aquelas com altura inferior à esperada para seu gênero. Por exemplo, as mulheres com altura inferior a 1,40m e os homens com menos de 1,45m de altura podem ser classificados como anões. Mas saiba que não são somente os seres humanos que podem ser classificados como anões?

O nanismo é um distúrbio do crescimento que provoca estatura anormalmente baixa em humanos e, embora poucos saibam, também em cães e gatos e outros animais. Alguns donos acham bonitinho, mas o formato mignon exige muito cuidado e o animal costuma ter problemas graves de saúde. Eles podem ter tudo diminuído: proteínas, massa muscular e metabolismo. A raça mais afetada pelo nanismo é o pastor alemão e não há prevalência entre machos e fêmeas. É difícil encontrar um animal com essa doença porque poucos sobrevivem, muitos morrem ao nascer. Os que vingam não costumam viver mais que três anos e, geralmente, o nanismo deixa os bichos estéreis.

Leia também:

Por que o seu cão treme enquanto está dormindo?

Conheça Nigel, o pug que é mais feliz quando ele consegue acompanhar o dono

Animais com síndrome de down – Entenda como funciona!

A causa mais comum do nanismo é a acondroplasia, condição causada por mutação genética e que inibe o crescimento da cartilagem no fim dos ossos, barrando o crescimento do bicho. Outro problema é quando a hipófise, glândula do cérebro, deixa de produzir hormônio de crescimento.

Veja fotos de alguns animais com nanismo:

nanismo 2

Michaelangelo Augustine é um cachorro da raça Pastor Alemão. O cão foi diagnosticado com quatro meses de idade, sua família foi preparada para o pior, pois chegaria um momento em que Mikey não conseguiria mais andar. Mas ninguém desistiu dele e graças aos cuidados e amor de sua família, e também sua força de vontade, o apaixonante Mikey voltou a andar e hoje corre e brinca com seus irmãos caninos.

nanismo

Um pequeno cavalo com apenas 55 centímetros, chamado Acer, leva a vida de um animal de estimação dentro da casa de sua proprietária, em uma fazenda em Corringham, no Reino Unido.

nanismo 8

A pug Gracie tem apenas 170 g. Ela é tão pequena que sua dona, Sandra Devall, disse que não existe uma coleira que sirva na pug.

Sandra Devall é a dona da cachorrinha. Elas vivem em Great Yarmouth, Norfolk, no Reino Unido

nanismo 9

nanismo 6
Sassy a cadelinha da raça Pit Bull, nasceu com algumas deformações congênitas e com uma expectativa de vida extremamente reduzida, ia ser sacrificado, mas foi adotada por Ernie Altamirano em Nova York.

nanismo 5

Polegarzinha como é chamada. Ela nasceu com nanismo, uma rara condição que afetou seu crescimento. E como tem alguns problemas para caminhar, ela recebeu sapatos especiais que ajudam-na a correr e a brincar com todos os outros mini cavalos com os que vive. Em 2006, ela foi reconhecida como o menor cavalo do mundo pelo Guinness Book.

nanismo 7

Girafa portadora de nanismo.

Gostou do nosso conteúdo? Curta o nosso Facebook, siga-nos no Instagram e receba dicas e notícias nas redes sociais.

Comentários no Facebook