| Tudo sobre Cães e Gatos

Ter animais diminui risco de alergia. Mito ou verdade?

1.11K 2
Ter animais diminui risco de alergia. Mito ou verdade?

A maior parte das pessoas têm na cabeça de que ter animais domésticos, pode tornar maior a probabilidade de desenvolver algum tipo de alergia. Mas, pesquisas nos sugerem justamente o oposto.

Bichinhos de estimação causam alergia?

Estudos constataram que crianças que tem contato com bichinhos de estimação durante o primeiro aninho de idade apresentam menos chance de desenvolver alergia a gatos e cães no futuro.

Leia também:

Animais com síndrome de down – Entenda como funciona!

Gatos e mulheres grávidas: Podem conviver bem?

Fogos de artifícios e os cães: Como amenizar o estresse

O estudo publicado no jornal Clinical e Experimental Allergy pelos estudiosos em Detroit no Hospital Henry Ford, foi realizado com 566 garotos e garotas a partir do nascimento até os 18 anos. Os pesquisadores reuniram dados das famílias sobre sua exposição a bichinhos de estimação. Ao final do estudo, os estudiosos coletaram amostras de sangue dos investigados e colocaram a prova sua sensibilidade animais como cães e gatos.

A conclusão foi a seguinte: as crianças que tinham um felino ou um cão em casa durante o primeiro ano de vida tinham metade das chances de se tornarem alérgicas ao animal em relação a outras crianças que não tinham esse convívio.

O estudo deduziu também que o contato com os animais domésticos em idades mais avançadas não apresentou grande alteração, é a convivência durante a infância, especialmente no primeiro ano de vida que afeta.

50yqevdovhw-amy-treasure“O primeiro ano de vida é um período crítico na infância, quando a exposição doméstica a cães e gatos influencia a sensibilidade a tais animais”, declaram os responsáveis pela pesquisa.

Os pesquisadores afirmam que uma vida extremamente higienizada estimula o desenvolvimento de alergias e asma, pois não estimulam o sistema imunológico da criança.

Mas, os pais, em qualquer sinal alérgico que se manifeste, devem buscar um médico. Somente ele é capaz de instruir sobre o tratamento mais adequado.

Com a conclusão apresentada acima, não temos de nos preocupar com os animais dentro de casa e vê-los como vilões das alergias. Não é preciso dar o seu bichinho para outra pessoa, devido o nascimento de um bebê.

O convívio com os animais provoca outros aspectos do ser humano como atenção, deveres e amizade. Quando os pequenos convivem com os bichinhos desde cedo, eles aprendem o senso de respeito que se deve ter em relação aos animais.

Fonte: Doutíssima

Gostou do conteúdo? Curta nossa fanpage, siga-nos no Instagram e receba dicas e notícias nas redes sociais.

Comentários no Facebook