| Tudo sobre Cães e Gatos

Proposta pode oferecer atendimento veterinário gratuito em Curitiba

1.74K 1
Proposta pode oferecer atendimento veterinário gratuito em Curitiba

A vereadora Katia Dittrich anunciou uma proposta de lei que prevê redução de 50% no valor do ISS (Imposto Sobre Serviços) para clínicas e consultórios veterinários de Curitiba que prestarem serviço para a população de baixa renda, a protetores de animais ou a pessoas que adotarem animais.

O propósito do projeto é que com o desconto no imposto as clínicas ofereçam atendimento gratuito para parte da população.

Leia também:

Assistir a vídeos de gatinhos reprime a ansiedade

Lista de Medicações proibidas para gatos

FIV, a AIDS felina

De acordo com a proposta, as clínicas e consultórios veterinários que atuarem com atendimento clínicos, exames laboratoriais e atendimento de especialidades para cães de pessoas cadastradas em programas como o Bolsa Família, vão ser parceiras do município e receberão o selo “Amigos dos Animais”.

O auxílio igualmente estende-se à indivíduos que comprovadamente adotarem animais ou protetores cadastrados na Rede de Monitoramento e Proteção Animal do Município. Entre as especialidades previstas para apoio estão oncologia, dermatologia, odontologia, cardiologia, endocrinologia, nefrologia e ortopedia.

Não estão incluídos na proposta a doação de medicações ou próteses de qualquer tipo, assim como procedimentos cirúrgicos. 

“Acreditamos que o projeto, após sua aprovação e sanção, terá grande adesão, pois traz benefícios para os dois lados. Clínicas e consultórios veterinários poderão pagar menos impostos e a população terá acesso a um atendimento veterinário de qualidade, em diversas especialidades e em todos os bairros da nossa cidade”, afirma Katia.

Na data de hoje, a vereadora postou em sua rede social: “Nosso projeto está em tramitação… Vamos ampliar o debate para que mais pessoas possam contribuir com a construção de uma lei que realmente alcance seus objetivos. Acesso ao atendimento veterinário gratuito para a população de baixa renda já!!!” E disponibilizou o link de acesso do projeto para acompanhamento: Clique aqui

Fonte: Paraná Portal

Gostou do conteúdo? Curta nossa fanpage, siga-nos no Instagram e receba dicas e notícias nas redes sociais.

Comentários no Facebook