| Tudo sobre Cães e Gatos

Frutas cítricas são proibidas para cães: mito ou verdade?

1.27K 0
Frutas cítricas são proibidas para cães: mito ou verdade?

É comum vermos alguém compartilhando postagens informando quais são os alimentos prejudiciais à saúde dos cães e as frutas cítricas aparecem citadas. Mas por que será que frutas cítricas sempre aparecem, e dizem que devemos evitá-las para nossos cachorros?

De acordo com o site Cachorro Verde, o nosso pH do suco gástrico é de 2.0 a 3.5. Já o do cão é de: 1.0 a 2.0! Ou seja, é muito mais ácido que o nosso. Além deles precisarem dessa acidez para digerir proteína os cachorros dependem muito dela para exterminar as bactérias nocivas que ingerem diariamente aos bilhões ao comerem coisas do chão, lamberem as patas e as partes íntimas, cheirarem cocô de pertinho, fuçarem terra, lixo etc.

Leia também:

13 Alimentos saudáveis que você pode dar para o seu cachorro

Conheça algumas frutas que são proibidas para os cães.

O perigo dos OSSOS DE COURO: Pode ser mortal para o seu cão

cítricas

Das frutas mais comuns, a mais ácida cujo pH se aproxima do pH do suco gástrico canino é o limão com pH em torno de 1.8. Já o pH da laranja e a tangerina tem o pH de 3.9, enquanto a maçã que é uma fruta totalmente recomendada para os cães, fica em torno de 3.0, e o abacaxi, o pH fica entre 3.2 e 4.9. O tomate, tem pH que varia entre 4.3 e 4.9.

Enfim, o cão quando está bem de saúde, tem o pH gástrico altamente ácido que consegue facilmente digerir frutas cítricas. Então, porções moderadas de frutas cítricas são seguras aos peludos SAUDÁVEIS, devendo ser evitadas para pets com gastrite (vômito, inapetência crônica) e para todo cão que demonstrar alguma intolerância individual, vomitando após a ingestão, por exemplo. E, claro, todas as frutas devem ser oferecidas com moderação, para não abusar da frutose (açúcar) e não desequilibrar a dieta do pet.

Fonte: Cachorro Verde.

Gostou do conteúdo? Curta nossa fanpage, siga-nos no Instagram e receba dicas e notícias nas redes sociais.

Comentários no Facebook