| Tudo sobre Cães e Gatos

Criador percebe cão com necessidades especiais e o leva para eutanásia

1.09K 0
Criador percebe cão com necessidades especiais e o leva para eutanásia

Ao perceber as necessidades especiais do pequeno filhote de husky, criador levou o cão para uma clínica veterinária para ser sacrificada. Mas por sorte, o veterinário convenceu o criador a entregar o animal a Ong – K9 Rescue e Rehoming, e todos lá imediatamente se apaixonaram pelo filhote de cachorro, que tinha apenas 7 semanas de idade na época.

Dando ao pequeno husky uma segunda chance de vida.

Depois de ser examinada, determinou-se que a cachorrinha tem um problema na coluna que faz com que algumas das vértebras se fundam, mas a causa dessa questão ainda é desconhecida.

“Nós não sabemos se ela nasceu assim ou se foi de uma lesão no início”, disse Kathryn Horski, mãe adotiva do husky Cascade, ao The Dodo. “Ela teve dificuldades em caminhar no início e teve que usar aparelhos nas pernas por algumas semanas.

necessidades especiais (1)

Leia também: 

Cães resgatados são amigos inseparáveis | Portal dos Cães e Gatos

Após deixar cão para eutanásia, dona o encontra para adoção na internet

Idosa cria hotel para animais de rua na porta de casa

Devido a seus problemas, Cascade é bem menor do que os outros, e provavelmente sempre será. Ela é incontinente e, portanto, tem que usar fraldas em todos os momentos, durante o resto da vida, para evitar acidentes. Sua mãe adotiva gosta de vesti-la com roupas bonitas para manter suas fraldas. Cascade é definitivamente um dos cães mais fofos do mundo.

necessidades especiais (2)

“Ela ainda parece um cachorrinho de 4 meses de idade ” disse Horski.

Apesar de todas as suas diferenças e personalidade é a mesma dos outros cães, Cascade adora correr e brincar com qualquer pessoa que esteja disposta, e nunca deixou que seus problemas a impedissem de fazer qualquer coisa que ela pensasse.

“Como qualquer outro cachorro, ela tem muita energia e está sempre em movimento”, disse Horski.

necessidades especiais (3)

Embora ela não possa realmente pular por causa de sua lesão na coluna, Cascade ainda pode correr e escalar rápido e longe. Ela adora salpicar em poças de lama, lutando com o irmão adotivo seu gato, caminhadas, natação, caiaque e tudo o resto.

necessidades especiais (4)

A personalidade de Cascade é como a de qualquer filhote de cachorro, mas ela ainda tem problemas que sua futura família precisará estar preparada para lidar. Ela tem que ter suas fraldas mudadas com freqüência, cerca de seis ou sete vezes por dia, e ela ocasionalmente precisa de ajuda para fazer certas coisas. Além disso, ela é apenas uma cachorrinha doce e curiosa que quer encontrar uma família para amar.

Você pode acompanhar Cascade e suas aventuras em sua página do Facebook.

Fonte: The Dodo.

Gostou do nosso conteúdo? Curta o nosso Facebook, siga-nos no Instagram e receba dicas e notícias nas redes sociais.

Comentários no Facebook