| Tudo sobre Cães e Gatos

Carrapatos, um risco para os bichinhos e humanos

1.02K 0
Carrapatos, um risco para os bichinhos e humanos

Geralmente chamados de carrapatos, estes parasitas pertencem à família dos ixodídeos. São perigosos agentes transmissores de doenças que acometem tanto a humanos como a animais.

O mal causado nos animais pode ser grave. As doenças mais comuns nos cães são a babesiose e a erliquiose, que causam uma anemia crônica que se não for tratada a tempo pode induzir a morte do cão.

Leia também:

Falta de ar nos cães

Dor de ouvido nos animais

Animais com síndrome de down – Entenda como funciona!

Eles apreciam as regiões quentes e úmidas. Por esse motivo preferem ficar entre as patas, por trás ou por dentro das orelhas e na virilha dos bichinhos para se nutrir de seu sangue.

Para retirar os carrapatos de seus animais, é preciso realizar banhos terapêuticos indicados por seu veterinário a cada 7 dias, pulverizar a cada 15 dias o ambiente onde está o animal, sem a presença do cão.

É preciso ter cuidado para não exceder a dosagem de veneno e intoxicar o seu animal.

Forma correta de extrair carrapatos incrustados na pele

Para extrair um carrapato é preciso considerar algumas recomendações.

Você deve pegar o carrapato por meio de uma pinça, pela cabeça ou pela boca, puxe-o com um movimento lento, porém firme. Não deve esmagá-lo contra o chão, dessa maneira o sangue se espalha e os ovos também. Certifique-se de que a cabeça não está presa na pele.

Outra opção válida seria colocar um pouco de álcool, iodo ou parafina para que o parasita se solte automaticamente.

Além disso…

  • Não se esqueça de usar luvas ou uma toalha de papel.
  • Lave a área onde o carrapato estava, com água e sabão, assim como suas mãos.
  • Se você não consegue remover a cabeça, procure ajuda profissional.
  • Guarde o carrapato em um recipiente fechado e fique atento para quaisquer sintomas das doenças acima mencionadas.

Prevenção

  • Ao caminhar na grama alta ou em áreas arborizadas, utilize camisas de manga comprida e calças.
  • Os sapatos devem ser fechados.
  • Os itens devem ser de cores claras para visualizar os carrapatos.
  • Borrife repelente para insetos em sua roupa.
  • Mantenha a camisa dentro da calça.
  • Fique atento aos seus animais domésticos, verifique-os periodicamente para detectar a presença destes parasitas.

Fonte: Melhor com saúde

Gostou do conteúdo? Curta nossa fanpage, siga-nos no Instagram e receba dicas e notícias nas redes sociais.

Comentários no Facebook