| Tudo sobre Cães e Gatos

Cão é arrastado por 4 km pela traseira do carro

1.07K 0
Cão é arrastado por 4 km pela traseira do carro

A primeira quinzena do último mês de dezembro ficou marcada na cidade de Pelotas, no Rio Grande do Sul, por um fato assustador, mais um caso de violência contra os animais. Um cão da raça Rottweiler, foi arrastado pelo dono, um homem de 58 anos, pela lateral traseira do veículo, por um percurso de aproximadamente 4km, por volta das 22h40min.

O condutor do veículo somente parou em um engarrafamento em frente a um macro atacado, embora testemunhas relatem que teriam buzinado ao ver o cão sendo arrastado e até mesmo uma motocicleta chutado o veículo na tentativa de fazer o homem parar. A Brigada Militar foi acionada.

Leia também:

84 gatos abandonados em uma mesma casa! Acredite!

É legal invadir domicílio em casos de maus-tratos a animais

Pró bicho – Sessão de fotos para ajudar na adoção de animais

As circunstâncias do fato estão sendo esclarecidas em inquérito policial. O motorista do veículo, N.J.C., foi espancado após populares presenciarem a cena chocante. Ele foi socorrido e encaminhado para hospital. O carro em que estava, uma Santana Quantum foi bastante danificada pelos agressores e teve de ser recolhida ao depósito do Detran.

15554814_1883145345255904_107761924_n

Fonte: Divulgação Facebook

O animal não resistiu aos ferimentos e morreu durante a madrugada, mesmo sendo levado a um pronto atendimento veterinário. Informações de terceiros, ainda não confirmadas pela Polícia, dão conta de que o homem, tinha o costume de amarrar o animal na porta traseira do veículo pelo lado de dentro, e que o animal teria pulado pelo vidro aberto, sem que ele percebesse. Porém, testemunhas afirmam que o animal estaria amarrado no para-choque do veículo.

Protetores dos animais da cidade pedem justiça pelo fato monstruoso ocorrido. Alguns vizinhos relatam que o dono tem a posse de outros animais e que já chegou a quebrar uma casinha de cachorro em um momento de estresse.

N.J.C. afirma sentir muito pelo acontecido e há versões de que o senhor apresenta problemas de surdez.

Gostou do conteúdo? Curta nossa fanpage, siga-nos no Instagram e receba dicas e notícias nas redes sociais.

Comentários no Facebook